solidariedade Apostilas
Genealogia
Informática
Petróleo
Teatro
Água Alzheimer Autismo Demencias Dengue Dietas Doença de Pick Enfermagem Fisioterapia Gota Hipertensão Homeopatia Massagem Peçonhentos Saúde Oral Vitiligo
Agrária e Agrícola  Ambiental e Ecológica  Arte e Cultura  Cidadania e Democracia  Comunicação  Criança e Adolescente  Desenvolvimento Institucional  Desenvolvimento Regional e Local  Direitos do Consumidor  Direitos Humanos  Ecumenismo  Educação e Profissionalização  Justiça e Segurança Pública  Migrantes  Moradia  Organização Popular e Participação Popular  Políticas Públicas  População de Rua  Povos Indígenas  Questões Urbanas  Racismo e Negros  Relação de Gênero Mulher  Relações Internacionais Saúde  Segurança Alimentar  Solidariedade  Tecnologia  Trabalho e Renda
Adoção   Alfabetização   Cooperativas  Cuidador de Idosos  Dengue  Downloads  Enfermagem  
Trabalho, treinamento e dedicação
Sucesso do próximo como objetivo
bartro flats
Delícias num ambiente aconchegante em Rio das Ostras - RJ Apartamentos aconchegantes próximos à praia do centro.
Gostou da página?
Colabore para manutenção de suas  pesquisas!
Faça uma doação!
SOLIDARIEDADE COMO PARTICIPAR E SER SOLIDÁRIO
Adoção de animais, Adoção Infantil, Alfabetização, Cooperativa, Cuidador de idosos, Ecologia, Reciclagem,
CUIDADOR - pessoa, membro ou não da família que cuida do idoso dependente ou doente, com ou sem remuneração. Suas tarefas envolvem o acompanhamento das atividades diárias do idoso e seu auxílio na alimentação, higiene pessoal, medicação de rotina e outros serviços necessários, excluídos aqueles para os quais sejam requeridos técnicas ou procedimentos identificados com profissões legalmente estabelecidas, particularmente na área da Enfermagem.
Cuidar é servir, é oferecer ao outro o resultado de nossos talentos, preparo e escolhas.
Cuidar é perceber o outro como ele se mostra nos seus gestos e falas, em sua dor e limitação.
Servir é simultaneamente ajudar ao outro e manifestar-se pelo que há de melhor em si.
Existem diversas formas de colaborar, de ser solidário diretamente com uma pessoa ou comunidade carente ou através de organizações que se propõem a estas atividades.  O importante é ser útil de alguma forma. Ser solidário não significa apenas doar alguma coisa material, dar uma esmola, fazer sua contribuição dedutível dos impostos ou participar de campanhas como a fome zero, mas se você tem objetos (roupas, calçados, agasalhos, etc.) sem utilidade, apenas acumulando em sua casa, não hesite em doar.  Ser solidário pode ser apenas uma atitude de boa vontade com alguém, ao abrir uma porta, responder uma pergunta corretamente a quem está desorientado, visitar abrigos de crianças ou idosos, visitar doentes que estão sozinhos num hospital, além de auxiliar de alguma forma para minimizar os graves problemas de uma tragédia seja por chuva, fogo, seca ou acidentes.
LINKS SOLIDÁRIOS
DEFESA CIVIL
Bahia
Distrito Federal
Espírito Santo
Mato Grosso do Sul
Minas Gerais
Paraná
Rio de Janeiro
Rio Grande do Sul
Santa Catarina
São Paulo
ENTIDADES NACIONAIS
Viva Rio
Portal do Voluntário
Voluntários
Ação Comunitária
Cruz Vermelha
Rotary Club
Lions Club
ONU
Médicos sem Fronteiras
Cáritas
ENTIDADES INTERNACIONAIS
ONU
ROTARY
LIONS
CRUZ VERMELHA
Médicos sem Fronteiras
Cáritas
ORAÇÃO DO IDOSO
Bem-aventurados aqueles que compreendem meus passos vacilantes e minhas mãos trêmulas.
Bem-aventurados os que levam em conta que meus ouvidos captam as palavras com dificuldade, por isso procuram falar mais alto e pausadamente.
Bem-aventurados os que percebem que meus olhos já estão nublados e minhas reações são lentas.
Bem-aventurados os que desviam o olhar, simulando não ter visto o café, que por vezes derramado sobre a mesa.
Bem-aventurados os que nunca dizem “você já contou isso tantas vezes”.
Bem-aventurados os que sabem dirigir a conversa e as recordações às coisas dos tempos passados.
Bem-aventurados os que me ajudam a atravessar a rua e não lamentam o tempo que me dedicaram.
Bem-aventurados os que compreendem quanto me custa encontrar forças para carregar minha cruz.
Bem-aventurados os que amenizam os meus últimos anos sobre a terra.
Bem-aventurados todos aqueles que me dedicam afeto e carinho, fazendo-me, assim, pensar em Deus.

Para baixar o manual completo de cuidador doméstico de idosos clique AQUI


Ser idoso não é uma doença, mas é uma fase da vida caracterizada por diminuição das reservas funcionais e da capacidade do organismo em se adaptar a mudanças bruscas, tornando-o mais susceptível a infecções, quedas, desidratação, efeito colateral de medicamentos, etc.
O idoso doente tem sinais e sintomas de doença, e deve receber tratamento.
Entre as alterações normais do envelhecimento podemos citar:
- a pele perde a elasticidade e fica mais fina, sua menos e produz menos sebo. Por isso é comum que ela fique mais fina, seca e áspera, sendo mais fácil coçar e mais fácil abrir feridas com pequenos traumas;
- o andar fica mais lento, a flexibilidade e os reflexos diminuem, tornando mais fáceis as quedas, e mais difícil proteger-se das mesmas;
- a saliva diminui , os movimentos de deglutição são mais lentos; é mais fácil engasgar-se e sentir a boca ressecada e a saliva grossa;
- o sistema imunológico, que defende o indivíduo contra infecções, é menos ativo, e o idoso normal tem uma suscetibilidade maior a algumas infecções como pneumonia e tuberculose;
- Os sistema de adaptação de pressão arterial e temperatura também mudam, sendo comuns: a deficiência na resposta ao calor ou frio intenso; a ausência de febre nas infecções; as quedas de pressão em mudanças rápidas de posição e a má adaptação da pressão arterial a perdas de líquidos (desidratação);
- o conteúdo de cálcio dos ossos, a massa e força muscular diminuem;
- o cérebro diminui de tamanho, porém preserva suas funções, como capacidade de aprender e memória; existe uma diminuição de memória em idades muito avançadas, mais relacionadas à falta de estímulo e atividade do que à incapacidade de lembrar; mantendo o estímulo e a atividade mental, os idosos preservam a capacidade de exercer suas funções intelectuais habituais com agilidade e experiência.
- o coração pode bater mais lento, mesmo em situações em que deveria acelerar, e diminui sua capacidade de adaptação ao "stress";
- há um diminuição da capacidade do pulmão ventilar e da habilidade de tossir;
- Os rins diminuem sua reserva funcional, tornando-se mais sensíveis aos medicamentos;
- o sono se altera, sendo comum o idoso dormir menos à noite, e ter períodos de sonolência (cochilos) durante o dia, principalmente quando não tem atividade nenhuma.
Apicultura(abelha e mel)
Aves domésticas
Avestruz
Codornas
Compostagem
Hidroponia (técnicas)
Horta orgânica
Incubadora (projetos)
Pavão e Faisão
Ranicultura (rãs)
Viticultura(Uvas)
Administração Crise Financeira
Administração Financeira
Bolsa de Valores  
Contabilidade de Custos
Contabilidade Geral
Depto Pessoal
Leitura Dinamica
Liderança
Marketing de Rede
Marketing Pessoal
Matematica
MemorizaçãoOratória
Relações Humanas 
Secretariado
Telemarketing
Vendas 
Fabricação de Licores
Fabricação de ovos de Páscoa 
Fabricação de Queijos
Fabricação produtos de limpeza
Fogão a Lenha (projetos)
Futebol
Pedras preciosas e joalheria
Sabonetes Artesanais
VelasArtesanais
Receitas da Vovó Julita
Receitas de doces e Compotas Receitas de drinks e bebidinhas
Receitas de Sanduiches e Sucos
Receitas Dietéticas
Receitas variadas
Access XP  
CorelDraw
Dreamweaver
Excel XP 
Flash
Informática básica
Internet básica
Lógica
Linux
Montagem Computadores
Pagemaker
Photoshop
Powerpoint XP 
Windows XP
Word XP
Astrologia  
Mágicas
Numerologia
Radiestesia
Radiestesia gráficos
Radiestesia prática
Alemão
Chinês-Mandarim
Espanhol
Francês
Grego
Hebraico
Holandês
Inglês
Italiano
Japonês
Latim 
Russo
Downloads grátis
 Faça aqui o download grátis de arquivos, programas, fontes, artigos, jogos, apostilas e cursos - Recomende a seus amigo
Calendario hebraico
Biblia em grego

Vendedor de Sucesso
Gestão de vendas
Publicidade
Sedução
Mçonaria
Primeiros socorros
Dengue
Ofurô

côco
Galinha d'angola
Esportes olímpicos
Dieta do sangue
Pimentas, cultivo e conserva
Como fazer ovos de páscoa
Receitas de pães e bolos
Receitas de massas e pizzas
Cartilha doméstica
Cartilha do hipertenso
Receitas de Bolinhos de bacalhau
O que fazer com o óleo de frituras?
Manual de Alfabetização
Como montar uma Cooperativa
Cuidador de Idosos; 
L
I
N
K
S
Administração
Administração bens
Admin Condomínios
Agronegócio
Agropecuária
Agua
Apostilas
Artesanato
Automobilismo
Bebidas
Comércio
Comunicações
Concursos
Culinária
Cultura
Cursos
Deutsch
Downloads
Ecologia
Economia
Eletrônica
Energias alternativas
English
Esotérico
Español
Esportes
France
Futebol
Games
Genealogia
Heráldica
Idiomas
Imóveis
Indústria
Informática
Itália
Jornais
Livros
Loteria
Marketing
Meio ambiente
Olimpíadas
Petróleo
Pré sal
Rotary
Saúde
Serviços
Sindico
Solidariedade
Teatro
Telefonia
Turismo
Vinil
Virtualização